Em Campina Grande – Suspeito de matar mulher na frente dos filhos se entrega e é liberado por não ter mais flagrante

30/12/2016 10:300 comentários

mulher-cgO delegado de homicídios Francisco de Assis revelou, na tarde desta quinta-feira (29), que o homem suspeito de ter matado Aline Albuquerque da Silva, 25, quando ela chegava em casa, em Campina Grande, se entregou à Polícia Civil e assumiu a autoria do crime.

Leia mais notícias no Paraíba Geral

O jovem de identidade não revelada se apresentou espontaneamente. A mulher foi morta na frente dos dois filhos. Eles estavam esperando a mãe chegar para participar de uma cantata natalina. A ação foi flagrada pelas câmeras de segurança de um condomínio residencial.

O crime aconteceu no início da noite de quarta-feira (22), no bairro Bodocongó. Segundo a Polícia , a família chegava em casa quando a vítima foi surpreendida por um homem que teria anunciado um assalto, sem apresentar arma. De acordo com o relato do marido da mulher à polícia, a vítima se assustou e jogou uma sacola, momento em que o suspeito sacou a arma e atirou duas vezes na cabeça dela.

De acordo com o delegado, o jovem se apresentou com um advogado, confirmou a autoria e explicou a motivação do crime, mas o delegado não informou detalhes. No momento em que o suspeito se apresentou, ele foi ouvido pelo delegado Antônio Lopes.

Buscas

Ainda segundo o delegado Francisco de Assis, como o suspeito se apresentou após encerradas as buscas para prisão em flagrante, ele prestou depoimento e foi liberado. “Como não havia mais flagrante,ele foi liberado, mas já estamos acionando a justiça para continuar a investigação e realizar as prisões. Eu não ouvi ele, então não sei detalhes do que ele revelou. A oitiva foi feita pelo delegado Antônio Lopes”, disse o delegado Francisco de Assis.

Jornal da Paraíba

Deixe um comentário