Senador Cássio diz durante entrevista que ‘a transposição será suspensa integralmente’ (Ouça)

28/08/2017 15:450 comentários

Cássio Cunha LimaDurante entrevista concedida a uma rede de rádio sediada na Capital João Pessoa, na tarde desta segunda-feira (28), o vice presidente do Senado Federal, Senador Cássio Cunha Lima (PSDB), ao responder uma pergunta sobre o discurso do Senador Lindberg Farias (PT-RJ) durante ato da caravana de Lula no Ponto de Cem Réis, entrou no tema racionamento e transposição do Rio São Francisco.

O Senador paraibano não poupou críticas ao governo do estado por encerrar o racionamento de água em Campina Grande e declarou que o problema da água não estava resolvido, inclusive disse que a transposição será suspensa integralmente.

“…o açude de Boqueirão está apenas com 8,2% da sua capacidade, está começando a sair do volume morto. Em breve haverá uma suspensão completa da transposição, porque os açudes de Poções em Monteiro e o açude de Camalaú, precisam receber investimentos de recuperação, e para isto a transposição será suspensa integralmente…”, disse Cássio durante a entrevista. Ouça no final da matéria.

Em relação a suspensão da transposição o Ministério da Integração assegurou que este procedimento não causará prejuízos as cidades abastecidas pelo açude Epitácio Pessoa (Boqueirão). 

“O Ministério da Integração Nacional esclarece que a eventual interrupção do bombeamento do Eixo Leste do Projeto de Integração do Rio São Francisco não causará qualquer prejuízo no abastecimento de água à população do estado da Paraíba. A interrupção já está prevista desde o início dessa fase de pré-operação – fase de testes e ajustes dos equipamentos hidromecânicos, sistemas elétricos e estruturas de engenharia que conduzem água. Ela só acontecerá em momento oportuno, quando o Açude Epitácio Pessoa estiver com volume suficiente para garantir segurança hídrica à população”, afirmou o ministério.

As declarações do Senador paraibano ocorreram um dia após a vinda do ex presidente Lula a cidade de Campina Grande, terra natal do tucano que é alvo de duras críticas por parte dos aliados de Lula no estado.

Da redação Paraíba Geral
Áudio: Correio Debate

 

Deixe um comentário